AUTO-RETRATO (Trecho do poema)

De mim
         vês o sorriso
                         a cor do vestido
e um ar de quem se encontra em permanente trânsito.
Pensas com isto compor o meu retrato.
Escuta:
          sou positivo/negativo
          construo-me também do que não sou.
Sou dúvida quase sempre
                                   algumas vezes certeza.
Pára estou exausta das seqüências.
                                                Diverso é meu ritmo
meu tempo meço por quilômetros de gerânios amarelos.
trago nas mãos um ramalhete de palavras ainda não germinadas.
Amigo, dá-me a certeza de que não morro
                                                      apenas sonho

 

 
 
Site em atualização. Feito em comemoração aos 80 anos